Governo destina R$ 138 mil para São Pedro dos Ferros, após pedido de Jaime Martins

O Ministro da Integração Nacional, Helber Barbalho, encaminhou uma portaria para publicação no Diário Oficial da União, após oficio de Jaime Martins, contendo a liberação de recursos que devem ser empenhados até esta sexta-feira (22).

           (Foto: Ramon Lisboa/EM/DA Press)

Os temporais que atingiram Minas Gerais nesses últimos dias provocaram estragos em áreas muito pobres da Zona da Mata e a cidade de São Pedro dos Ferros/MG foi uma das mais atingidas. Na tarde de hoje (19.dez.2017),  o Ministério da Integração Nacional confirmou a destinação emergencial de R$ 138 mil, que serão enviados pelo Governo Federal à São Pedro dos Ferros, para execução de um projeto de limpeza da cidade apresentado pela Prefeitura Municipal.

O prefeito municipal, Newton Avelar, acompanhado da equipe do deputado federal Jaime Martins, e do vereador Adriano Leal Brum, recebeu a resposta positiva do envio dos recursos, em reunião em Brasília, e retorna à região para viabilizar o início dos serviços. A Defesa Civil também  já enviou uma equipe do Ministério de Integração Nacional para ajudar e fiscalizar os trabalhos na região.

Segundo a Coordenação da Defesa Civil de Minas Gerais,  o problema vem desde o início de outubro. Ao todo nove municípios decretaram estado de emergência depois de sofrerem danos por enxurradas, chuvas de granizo, vendaval e inundações. No início desse mês, o presidente Michel Temer recebeu, no Palácio do Planalto, prefeitos de cidades mineiras que foram atingidas pelas chuvas e prometeu enviar até 1 milhão de reais para ajudar as vítimas. 

Reconstruções

A Prefeitura de São Pedro dos Ferros, após a etapa de limpeza, poderá também apresentar ao Ministério de Integração Nacional projetos  para  a reconstrução de conjuntos habitacionais e de estruturas públicas. As escolas e unidades de saúde danificadas também poderão ser restabelecidas, a partir de projetos apresentados ao Ministério da Educação e Saúde.

Ronie Lobato / Assessoria de Imprensa
Com informações do G1 e Estado de Minas